Porteira Aberta

Logística bilionária

Logística bilionária

Divulgação

No mês passado, o governo federal anunciou a segunda etapa do Programa de Investimento em Logística (PIL), com o objetivo de modernizar a infraestrutura de transportes do País, através de concessões de estradas, ferrovias, portos e aeroportos, que contarão com investimentos da ordem de R$ 198,4 bilhões. Com base em um levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI), rotas estratégicas para o escoamento do agronegócio do CentroOeste podem ser beneficiadas pelo PIL. Segundo a CNI, quatro trechos rodoviários estão saturados em Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Goiás, mas apenas o segmento da BR364, entre Rondonópolis (MT) e Alto Araguaia (GO), precisa ser leiloado, e isso deve acontecer ainda neste ano. HoorrAA

Sementes
Soja para o Matopiba

No mês passado, a Fundação Bahia, em parceria com a Em­bra­pa, apresentou uma nova cultivar de soja com re­sis­tência a lagartas e nematoides, e dotada de alto potencial produtivo, indicada para a região do Matopiba, que engloba os Estados do Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia. A variedade BRS 9180 IPRO tem tolerância ao herbicida glifosato e eficácia contra as principais lagartas que afetam a cultura, entre elas a Helicover­pa armigera. A Fundação aguar­da liberação pelo Ministério da Agricultura para o lançamento comercial da semente.

ESTUFAS
Centro para o tomate

A Seminis, divisão de hortaliças da americana Monsanto, apresentou o seu primeiro Learning Center de cultivo de tomate protegido durante a feira Hortitec,  no mês passado, em Holambra (SP). Localizado em Campinas (SP), o espaço tem por objetivo se tornar referência na disseminação das melhores práticas de cultivo protegido para a cultura do tomate. O centro possui quatro estufas com um total de 5,5 mil metros quadrados, com seis mil plantas de oito variedades de tomate.

AVICULTURA
Desinfecção de ovos

A paulista CASP, desenvolvedora de equipamentos para a avicultura, suinocultura e armazenagem, lançou uma tecnologia para a desinfecção de ovos batizada de Ovoxx. Foram investidos sete anos em pesquisas e testes para desenvolver a novidade. A tecnologia, inédita no mercado brasileiro, é uma forma de desinfecção por meio da aplicação de ozônio, em substituição aos convencionais tratamentos com o uso de reagentes químicos.

CARNE
Acordo com a China

A Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carne (Abiec) assinou um acordo de cooperação com a Associação de Inspeção e Quarentena da China, entidade ligada à defesa agropecuária do país asiático.A iniciativa prevê um intercâmbio de informações e poderá ampliar o comércio entre os países. O acordo foi assinado durante a FMA China 2015,  feira realizada em junho, em Xangai. Em missão oficial na China, a Abiec também participou de visitas técnicas a órgãos do governo e entidades, em Beijing.

TECNOLOGIA
Nova rastreabilidade

Até o fim do ano, as cadeias produtivas de aves e suínos de Santa Catarina vão adotar a tecnologia RFID, com o uso da radiofrequência para aperfeiçoar o sistema de rastreabilidade dos produtos. Com a implantação do projeto chamado Canal Azul, a tecnologia vai permitir o uso de uma etiqueta eletrônica inteligente nos lacres dos contêineres, para controlar todo o processo de preparo, transporte aos portos, embarque e chegada da carne ao destino final.

POLÍTICA
A dívida do seguro

A Câmara dos Deputa­dos aprovou a Medida Provisória (MP) nº 670/ 2015, que estabelece a nova tabela do imposto de renda. A MP inclui emenda que autoriza o pagamento das subvenções ao Prê-mio do Segu-ro Rural 2014, de R$ 300 milhões, que deveria ser pago no ano passado. Se não for quitado, o produtor terá de arcar com o valor integral da apólice. AMP ainda precisa ser aprovada no Senado.

SEMENTES
Bactérias do bem

A Associação Nacional dos Produtores e Importadores de Inoculantes alerta sobre o uso de sementes pré-inoculadas, que apresentam bactérias, conhecidas como rizóbios, que são benéficas às plantas. Segundo a ANPII, pesquisas mostram que algumas sementes podem carregar somente rizóbios mortos, enquanto o ideal é que haja, no mínimo, 100 mil bactérias por semente. Para verificar se as sementes estão adequadas, a Embrapa Soja oferece um serviço de análise gratuita. Basta o produtor fazer a solicitação junto à entidade, enviar uma amostra das sementes e aguardar o resultado, que sai em até dez dias.

BIOCOMBUSTÍVEIS
Transporte eficiente

A Raízen, produtora de açúcar e etanol, realizou seu primeiro transporte de biodiesel por ferrovia, com itinerário de Rondonópo­lis (MT) até Paulínia (SP). A partir de agora, o plano é escoar biocombustível para o Sudeste e trazer derivados de petróleo para o Centro-Oeste. Cerca de 50 milhões de litros de biodiesel que são transportados por rodovias anualmente, agora serão levados por modal ferroviário, reduzindo a circulação de 50 caminhões.

CLIMA
O El Niño chegou

A Agência Meteorológica do Japão divulgou que o El Niño está de volta em 2015, após cinco anos sem dar as caras. Agências da Austrália e da Índia também já confirmaram o início do fenômeno, que aquece as águas do Oceano Pacífico, altera o clima e afeta lavouras em vários países. O fe­­nômeno deve durar até a primavera, no Hemisfério Sul. O El Niño deve trazer mais chuvas e temperaturas amenas às regiões Sudeste, Centro-Oeste e Sul, enquanto Norte e Nordeste terão estiagem.

ASSOCIAÇÃO
Orgânicos unidos

A cadeia brasileira de produção de alimentos orgânicos está se articulando politicamente. Representantes da indústria desse segmento e do governo criaram o primeiro Conselho Nacional de Produção Orgânica e Sustentável, formado por 16 membros. Uma das iniciativas do conselho é criar a primeira associação nacional do setor, com recursos de R$ 1,5 milhão para essa tarefa. Batizada de Organis, a entidade sairá do papel até novembro deste ano.

EXPORTAÇÕES
Argentina será cliente

No mês passado, a Argentina retirou o embargo à carne bovina brasileira, que estava em vigor desde 2012. Embora o Brasil não seja um fornecedor regular do país vizinho, a medida tem um efeito simbólico importante, pois a liberação deverá facilitar, por tabela, a retomada das exportações para os EUA.  Ao levantar a proibição, determinada pela suspeita da existência da doença da vaca louca no rebanho nacional, os argentinos emitem uma espécie de “nada consta” sanitário, apaziguando os temores dos importadores americanos. Em contrapartida, o Brasil retirou o embargo às maçãs, peras e marmelos argentinos, em vigor desde março, por causa do registro da praga Cydia pomonella.

ESTADOS UNIDOS
Seca nos EUA

O Estado da Califórnia, nos Estados Unidos, está enfrentando uma severa estiagem e pretende limitar o fornecimento de água às propriedades rurais de 100 distritos. Os produtores que desviarem água ilegalmente estarão sujeitos a multas e poderão ser processados.

FERTILIZANTES
Queda nas vendas

Segundo a Associação Nacional para Difusão de Adubos (Anda), as vendas das misturadoras de fertilizantes para as revendas de insumos recuaram. Os dados mais recentes são do mês de maio, que registrou um volume de dois milhões de toneladas, uma queda de 21,4% em comparação ao mesmo período de 2014. O levantamento da Anda também revela que as importações de fertilizantes intermediários diminuíram 5,5%, para 1, 8 milhão de toneladas e que a produção brasileira caiu 4,9%, para um total de 708,2 mil toneladas, no período.

ASSISTÊNCIA TÉCNICA
Consultor online

O agricultor paulista tem, agora, à disposição um software inédito para ajudá-lo a fazer uma pulverização eficiente. No mês passado, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo lançou o programa DropScope, que orienta passo a passo como aplicar defensivos em lavouras de grãos, fibras e cana-de-açúcar. A ferramenta, que funciona como um consultor virtual, será vendida por R$ 6,5 mil e, no futuro, será adequada ao atendimento de outras culturas, como a do café.

INVESTIGAÇÃO
Queijo fraudado

O Ministério Público iniciou a operação “Queijo Compen$ado”, no Rio Grande do Sul, com a denúncia de fraude na produção de queijos, que utilizavam matéria-prima com o prazo de validade vencido. A investigação é um desdobramento da Operação Leite Compensado, que investigou irregularidades na produção gaúcha. No mês passado, a Laticínios Progresso, de Três de Maio, no Noroeste do Estado, foi interditada e dois de seus sócios  foram presos.

TECNOLOGIA
Soja aprovada

A União Europeia aprovou a variedad de soja transgênica Cultivance, desenvolvida pela Basf em parceria com a Em­­brapa. Aprovada no Bra­sil em 2009, a se­­men­te aguardava a autorização dos países importadores para ser vendida aos agricultores brasileiros. Como a última pendência era a aprovação dos europeus, agora a semente chegará ao campo.

INTERNACIONAL
Chile questionado

O Brasil manifestou sua preocupação na Organização Mundial do Comércio em relação à Lei Super 8, que define a rotulagem de alimentos no Chile, em campanha contra produtos com elevados índices de açúcar, sódio e gorduras. O País, na condição de quinto maior fornecedor do mercado chileno, alegou que as novas regras podem restringir o comércio internacional.

GUSTAVO JUNQUEIRA
A coalizão verde

A Sociedade Rural Brasileira lançou, no mês passado, a Coalizão Brasil Clima, Florestas e Agricultura, uma iniciativa que reúne mais de 100 entidades e empresas em prol da sustentabilidade. O presidente Gustavo Junqueira fala sobre a novidade.

Como surgiu a coalizão?
A ideia surgiu no ano passado.
A nossa visão foi de que o Código Florestal seria um tratado de paz entre os ambientalistas e o setor produtivo. Foi aí que pensamos em promover um trabalho que nos unisse.

Por qual motivo?
O agronegócio ainda tem uma imagem negativa no mundo. Temos de conquistar uma posição favorável e mostrar que o brasileiro é sustentável. Nenhum outro país tem uma lei que faz com que o produtor preserve de 20% a 80% da propriedade. Precisamos mostrar ao mundo que temos essa legislação.

Como é o diálogo com os ambientalistas?
Dialogamos sobre aquilo que nos aproxima, e não sobre o que nos separa. Então, a discussão está funcionando bem. A adoção do biocombustível é uma unanimidade, todos concordam que ele deve ser promovido. Outros temas que tiveram boa discussão foram o respeito ao direito de propriedade e o combate ao desmatamento ilegal.

Qual é a primeira ação do grupo?
Definimos mais de 15 propostas para contribuir com o governo na Conferência do Clima, em Paris, em dezembro. As organizações assumiram o compromisso de promover ações sustentáveis. A coalizão é um grupo de trabalho que terá uma agenda compartilhada.