Porteira Aberta

Pacote para o etanol

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, está insatisfeito com o setor sucroalcooleiro devido ao desabastecimento

Biocombustível

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, está insatisfeito com o setor sucroalcooleiro devido ao desabastecimento de etanol no mercado brasileiro. Além de reduzir a mistura do álcool anidro na gasolina, dos atuais 25% para uma proporção até abaixo de 20%, o governo deverá aumentar o poder de fiscalização da Agência Nacional do Petróleo sobre o segmento.

Governo

Dinheiro

O orçamento direcionado em 2011 às ações de sanidade agropecuária e de pesquisa será preservado. Ao todo, serão R$ 263,2 milhões para a Secretaria de Defesa Agropecuária. Terão valor integral os recursos para desenvolvimento tecnológico e difusão do conhecimento, funções exercidas pela Embrapa. O limite destinado à empresa é de R$ 421,1 milhões.

Alimentos II

Vai um inseto aí?

Quiche de minhoca ou larva de besouro, rolinho primavera de grilo e outros pratos feitos com insetos estão no centro de uma “dieta saudável, barata e ecológica”, cujo estudo foi encomendado pela ONU. Os professores Arnold van Huis e Dennis Oonincx, da Universidade Wageningen, na Holanda, promovem a ideia de que comer insetos é bom para salvar o planeta e combater a fome.

Dança das cadeiras

Sampaio diz adeus

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), confirmou o pedido de exoneração do secretário estadual de Agricultura, João Sampaio. De acordo com o governador, Sampaio deixará o posto por razões particulares.

 

Pesquisa

Lableite, da Embrapa, é aprovado

O Mapa aprovou o credenciamento do primeiro laboratório público para análise do produto no Rio Grande do Sul. A aprovação do Laboratório de Qualidade do Leite (Lableite), em Capão do Leão, vai facilitar as análises do produto, no sul do Estado.

 

Política

Em busca de apoio

O Brasil quer chegar à reunião do G-20 com uma posição unificada dos países da América do Sul contra o controle dos preços de commodities agrícolas. A proposta foi apresentada aos ministros de Agricultura da região pelo secretário de Política Agrícola, Edilson Guimarães. O Brasil e a Argentina, que fazem parte do G-20, querem ter o apoio para rejeitar propostas de países no controle do preço das commodities.

Evangevaldo Moreira conta como serão aplicados os R$ 5,2 bilhões e os desafios de ser presidente.

Os desafios da Conab

Quais são os principais objetivos dessa nova gestão?

Entre elas estão a elaboração e implantação do novo modelo do Programa Nacional de Preço Mínimo (PGPM), a ampliação e modernização da estrutura de armazenagem da Conab, que tem capacidade de dois milhões de toneladas, e o programa de agricultura familiar. A meta é atender com os programas pelo menos 50% dos pequenos produtores rurais. Hoje alcançamos apenas 15%.

Como farão para elevar tanto esse percentual?

Temos parcerias importantes com os ministérios do Desenvolvimento Social e do Desenvolvimento Agrário para buscar um aprimoramento dos critérios para que o dinheiro chegue mais rápido ao produtor pelo PGPM e pelo Programa de Aquisição de Alimentos. A ideia é desburocratizar para que o agricultor tenha acesso mais rápido aos recursos.

Como farão para elevar tanto esse percentual?

Temos parcerias importantes com os ministérios do Desenvolvimento Social e do Desenvolvimento Agrário para buscar um aprimoramento dos critérios para que o dinheiro chegue mais rápido ao produtor pelo PGPM e pelo Programa de Aquisição de Alimentos. A ideia é desburocratizar para que o agricultor tenha acesso mais rápido aos recursos.