Hippus

Puro-Sangue & Cia

ELE CONSEGUIU SER O PRIMEIRO…

Oempresário Victor Oliva entrou para a história da criação de cavalos no Brasil. O feito aconteceu no último dia 18 de abril quando seu cavalo VO Nilo se classificou para os Jogos Olímpicos de Pequim, este ano. Trata-se do primeiro cavalo de criação nacional a conseguir o índice olímpico na modalidade adestramento. Além da conquista, o empresário está otimista com o leilão que realizará no próximo dia 10 de maio, na Coudelaria Ilha Verde, em Araçoiaba da Serra (SP). Ao todo, 30 animais estarão à venda, inclusive filhos de seu grande campeão. “Estou otimista”, diz.

Movimentação no quarto-de-milha

Inovação. Essa foi a marca da primeira edição do Speed Horse Show. O evento uniu, de 28 a 30 de março, no Jockey Club de Sorocaba, corridas de cavalo, provas de hipismo e leilões com animais de elite, distribuindo R$ 200 mil em prêmios. Para completar a festa, os leilões realizados pelos Haras Canarim & Haras Carrera, alcançara um faturamento de R$ 2,8 milhões, com média de R$ 43 mil por lote.

Grande Leilão Velocidade

Promovido pelo Rancho das Américas & Haras Vista Verde, O Grande Leilão Velocidade, que aconteceu no dia 1º de março, no Jockey Club de Sorocaba (SP), totalizou R$ 1,902 milhão, com a venda de 44 produtos de corrida, com média de R$ 43 mil. O destaque foi a potra, Dalila Dash, que saiu por R$ 160 mil.

CÂ N T E R

Caio Trevisan Aidar é um dos organizadores do Speed Horse Show, um evento que uniu corridas de cavalo, provas de hipismo e leilões com animais de elite, e agitou o mercado de quarto -de- milha

Qual foi o balanço do Speed Horse Show?

Foi muito positivo. Os leilões tiveram faturamento de R$ 2,8 milhões, com média de R$ 43 mil, além de R$ 200 mil em prêmios

Não é muito dinheiro para uma prova?

Na verdade, o mercado de cavalos da raça quarto-demilha está muito aquecido, principalmente no setor de corridas. Prêmios altos são comuns e, na verdade, os criadores são exigentes neste sentido. Fora do Brasil, esta também é a tendência que observamos.

Há planos de realizar outros eventos nestes moldes?

Esta foi a primeira edição e conseguimos trazer vários patrocinadores, o que mostrou que é um modelo rentável.

 

 

DISCO FINAL

 

 

Depois de anunciar reajuste nas premiações e reforma no sistema de iluminação, o Jockey Club de São Paulo prepara outras mudanças para os apostadores do turfe paulista e brasileiro. A novidade agora é a volta das apostas de duplas. Com valor mínimo de aposta em R$ 2,00, ganha quem acertar o primeiro e o segundo lugares.

Tradição paulista

No próximo dia 18 de maio, o Jockey Club de São Paulo será palco do Grande Prêmio São Paulo. Entre os destaques está o Quick Road, campeão em 2007. O evento deve oferecer um prêmio de R$ 150 mil para o campeão e também marcará o encontro das entidades ligadas à Asociación Latino-Americana de Jockey Clubs, para os acertos do próximo Clássico Latino-Americano, marcado para 14 de março de 2009, no Hipódromo Paulistano.