Negócios

Tyson Foods tenta reduzir desmatamento na cadeia de suprimentos

Crédito: Arquivo / Dinheiro Rural

A empresa descobriu que 6% da sua produção corria o risco de ser associada ao desmatamento (Crédito: Arquivo / Dinheiro Rural)

Nova York, 12 – A Tyson Foods, processadora de carnes dos Estados Unidos, com sede em Springdale, Arkansas, está desenvolvendo planos para reduzir o risco de desmatamento em sua cadeia de fornecimento global, informou a empresa nesta quinta-feira.

Em análise, concluída este ano com consultoria externa, a empresa descobriu que 6% da sua produção corria o risco de ser associada ao desmatamento, comunicou a Tyson.

+ EUA: Tyson Foods anuncia Donnie King como novo presidente da unidade de aves
+ Tyson reduz preços de alguns produtos vendidos a supermercados e restaurantes

Como resposta, a empresa “está trabalhando para reduzir o risco” de desmatamento para quatro grupos de commodities: gado e carne; soja; azeite de palma; celulose e embalagens.

Veja também

+ Restaurante japonês que fez festa de swing lança prato chamado “suruba”
+ Cantor Ovelha abre frangaria em São Paulo com a ajuda de Ratinho
+ 5 benefícios do jejum intermitente além de emagrecer
+ Como fazer seu cabelo crescer mais rápido
+ Vem aí um novo megaiceberg da Antártida
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mineral de Marte raro na Terra é achado na Antártida
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Atriz pornô é demitida de restaurante por causa de “cliente cristão”
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?