• IstoÉ
  • IstoÉ Dinheiro
  • Dinheiro Rural
  • Menu
  • Motorshow
  • Planeta
  • Select
  • Gente
  • GoOutside
  • Hardcore
Assine
Anuncie
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
Istoé Dinheiro Rural
MenuMenu
FECHAR
Capa da edição atual da revista
Edição da SemanaNº 187 08.08Leia mais
  • Home
  • Últimas notícias
  • Economia
  • Negócios
  • Carreira
  • Estilo no campo
  • Tecnologia
  • As melhores da Dinheiro Rural
  • Siga-nos:Facebook
Geral13/04/2022

USDA anuncia investimentos para apoiar E15 e favorecer independência energética

Como parte do apoio ao plano, o USDA anunciou o direcionamento de US$ 5,6 milhões

Como parte do apoio ao plano, o USDA anunciou o direcionamento de US$ 5,6 milhões

(Créditos: Arquivo / Agência Brasil)
Estadão Conteúdo
Texto por:Estadão Conteúdo13/04/22 - 10h17min

São Paulo, 13 - O secretário de Agricultura dos Estados Unidos, Tom Vilsack, anunciou na terça-feira, 12, as medidas que o Departamento de Agricultura do país (USDA) está tomando para estabelecer a campanha de independência energética norte-americana. A estratégia prevê o aumento do uso de biocombustíveis produzidos internamente e o apoio ao plano, apresentado na terça pelo presidente Joe Biden, de adicionar 15% de etanol à gasolina utilizada durante o verão, medida chamada de E15.

"O anúncio do presidente se baseia em suas ações ousadas para reduzir os preços da energia e combater o aumento dos preços ao consumidor causado pelas ações de Putin", afirmou Vilsack. Ainda segundo ele, no curto prazo, as famílias norte-americanas "sentirão alívio do aumento dos preços dos combustíveis" e, no longo prazo, o país poderá sustentar a independência energética.

+ USDA reduz projeção de estoque dos EUA para soja e mantém estimativa para milho

Como parte do apoio ao plano, o USDA anunciou o direcionamento de US$ 5,6 milhões para desenvolver uma infraestrutura capaz de expandir a disponibilidade de combustíveis renováveis em aproximadamente 59,5 milhões de galões por ano. O financiamento será realizado em 7 Estados: Califórnia, Delaware, Illinois, Maryland, Nova Jersey, Nova York e Dakota do Sul.

O Departamento de Agricultura norte-americano também divulgou o investimento de US$ 700 milhões para apoiar pagamentos aos produtores de biocombustíveis.

"Os produtores podem esperar o envio dos recursos antes do fim de abril", afirmou o USDA, em nota. Outra medida anunciada pelo órgão foi o direcionamento de US$ 100 milhões para fornecer subsídios para instalação, modernização ou atualização das infraestruturas necessárias para a distribuição de biocombustíveis e misturas de E15.

Segundo o USDA, o governo dos Estados Unidos reforça ainda o compromisso com o "Grande Desafio de Combustível de Aviação Sustentável", que visa a aumentar a produção de combustíveis de aviação sustentáveis para pelo menos 3 bilhões de galões por ano até 2030. De acordo com comunicado da entidade, US$ 4,3 bilhões já foram orientados para projetos no setor e pesquisas buscam um incremento de 30% na eficiência de combustível das aeronaves.

Saiba mais
+ Modelo brasileiro se casa com nove mulheres e vira notícia internacional
+ Horóscopo: confira a previsão de hoje para seu signo
+ Receita simples e rápida de asinhas de frango com molho picante
+ Conheça o suco que aumenta a longevidade e reduz o colesterol
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação
+ Vídeo de jacaré surfando em Floripa viraliza na internet
+ Vale-alimentação: entenda o que muda com novas regras para benefício
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Expedição identifica lula gigante responsável por naufrágio de navio em 2011
+ Tudo o que você precisa saber antes de comprar uma panela elétrica
+ Descoberto na Armênia aqueduto mais oriental do Império Romano
+ Agência dos EUA alerta: nunca lave carne de frango crua
+ Gel de babosa na bebida: veja os benefícios
+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
caminhoneiros bolsonaro