Notícias

Vencedores de concurso de grãos especiais da BSCA serão conhecidos no dia 19

São Paulo, 15 – O júri nacional do Cup of Excellence – Brazil 2019 selecionou, na semana passada, 40 amostras, de 10 origens produtoras, que se classificaram para a Fase Internacional do principal concurso de qualidade do mundo. Esses lotes serão reavaliados, entre a quarta-feira, 16, e sexta-feira, 18, nas instalações do Núcleo de Estudos em Pós-Colheita do Café da Universidade Federal de Lavras (Ufla), por juízes dos principais países compradores do mundo e os 30 melhores, que receberem nota igual ou superior a 87 pontos, serão eleitos vencedores.

No sábado, 19, serão revelados os melhores cafés especiais brasileiros da safra 2019. O concurso também definirá os Campeões Nacionais, que serão os cafés que receberem nota superior a 85 pontos e ficarem em colocação abaixo dos vencedores.

A região que obteve maior destaque com amostras classificadas para a Fase Internacional foi a Indicação de Procedência da Mantiqueira de Minas, com 10 lotes. Na sequência, vêm Sul de Minas, com nove amostras; Denominação de Origem do Cerrado Mineiro, com seis cafés; Chapada Diamantina (BA), com cinco lotes; Matas de Minas, Chapada de Minas, Campo das Vertentes (MG) e Indicação de Procedência da Alta Mogiana Paulista (SP), com duas amostras cada; e Média Mogiana (SP) e Montanhas do Espírito Santo, com um lote cada.

Confira a relação completa no site da BSCA. Veja aqui.

No ano em que celebra duas décadas e retorna à origem de sua criação, em Lavras (MG), o Cup of Excellence – Brazil 2019 tem como entidades anfitriãs a Ufla e a cooperativa SanCoffee. Os campeões do concurso participarão de disputado leilão internacional, via internet, no dia 26 de novembro. Em 2018, o preço pago pela saca de 60 kg do campeão foi equivalente a R$ 73 mil (US$ 143 por libra-peso), valor que representou, no dia do pregão, expressiva alta de 13.180% na comparação com o fechamento da Bolsa de Nova York, principal plataforma de comercialização do café no mundo.

O concurso é realizado pela Associação Brasileira de Cafés Especiais (BSCA) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e a Alliance for Coffee Excellence (ACE).